Profa Ana Carolina

Professora do curso de Enfermagem, da Unidade Acadêmica de Biotecnologia da Universidade Federal de Catalão (UFCAT) participa do Seminário Marco Zero - Chamada MCTI/CNPq/FNDCT/MS/SCTIE/Decit Nº 07/2020 – Pesquisas para o enfrentamento da COVID-19

Professora do curso de Enfermagem, da Unidade Acadêmica de Biotecnologia da Universidade Federal de Catalão (UFCAT) participa do Seminário Marco Zero - Chamada MCTI/CNPq/FNDCT/MS/SCTIE/Decit Nº 07/2020 – Pesquisas para o enfrentamento da COVID-19, suas consequências e outras síndromes respiratórias agudas graves.

Fonte: CNPq/Arquivo próprio

 

A professora Ana Carolina Scarpel Moncaio participa do Seminário Marco Zero Chamada MCTI/CNPq/FNDCT/MS/SCTIE/Decit Nº07/2020 – Pesquisas para o enfrentamento da COVID-19, suas consequências e outras síndromes respiratórias agudas graves, entre os dias cinco a nove de outubro, de forma remota.

O Seminário marca o início do monitoramento dos projetos aprovados e financiados pelo edital da referida chamada. A professora desenvolve uma pesquisa multicêntrica, intitulada “Avaliação da operacionalização da Prevenção e Controle da COVID-19 pelos aspectos comportamentais no uso dos Equipamentos de Proteção Individual - enfoque nos profissionais de saúde”, a qual está sendo desenvolvida e coordenada pela mesma e conta com a parceria da professora Nathalia HalaxOrfão, do Departamento de Medicina da Fundação Universidade Federal de Rondônia.

A referida chamada lançada em abril deste ano, previa a seleção de propostas em temas como tratamento, vacinas, diagnósticos, patogênese e história natural da doença, carga da doença, atenção à saúde e prevenção e controle. O CNPq recebeu 2.219 propostas de todas as unidades da Federação e aprovou 116 projetos de pesquisas classificados dentro dos limites orçamentários, totalizando cerca de R$ 45 milhões.

O processo de julgamento das propostas envolveu quatro etapas, detalhadas na Chamada, e coordenadas pelo CNPq: análise do cumprimento dos critérios de elegibilidade; avaliação individual de cada projeto, realizada por cerca de 1000 consultores ad hoc; avaliação contextualizada dos projetos, considerando, por exemplo, a adequação às linhas da chamada e seus objetivos propostos; Relevância sócio-sanitária, envolvendo os projetos que tiveram nota acima de 6 pelo Comitê de Mérito. Além disso, após a divulgação do resultado preliminar, foram julgados 400 recursos recebidos. O resultado final manteve a lista preliminarmente divulgada.

A pesquisa objetiva avaliar a operacionalização do uso de Equipamentos de Proteção Individual dos profissionais de saúde na prevenção e controle da Doença do Coronavírus nas instituições de nível secundário e terciário de dois municípios nas Regiões Centro-Oeste (Catalão) e Norte (Porto Velho) e terá a duração de dois anos. Cabe aqui o nosso agradecimento à professora por representar a UFCAT nesse momento e às agências envolvidas pelo financiamento.

 

Propostas por Região

Norte: 4

Nordeste: 16

Centro-Oeste: 11

Sudeste: 48

Sul: 11

 

Número de propostas por linha prevista na chamada

Tratamento - 3

Vacinas - 8

Diagnóstico - 7

Patogênese e História natural da doença - 10

Carga da doença - 7

Atenção à saúde - 17

Prevenção e controle - 38

 

Propostas por gênero (proponente)

Mulheres - 51

Homens - 39

 

Marco Zero